Bolo & Cake

Por Mayara Maluceli
Hoje eu vou postar de uma maneira diferente. Minhas palavras serão breves nessa escrita quadrada do blog. Vocês irão se deliciar com meu sotaque e com minha doçura de voz no vídeo abaixo. Garanto 5 minutos engraçados, interativos e informativos com o tema CAKE. Divirta-se!



O vídeo foi feito por mim, durante um domingão. Demorei umas 8 horas contando com o download do Sony Vegas, com a edição, com a renderização do vídeo, e com o upload no youtube. Tudo isso baseado numa internet 3Ggue da Claro. Foi divertido! O pessoal que participou do vídeo faz parte da turma D do 5º semestre de Jornalismo do Mackenzie; os blogs anunciados ao fim do vídeo pertencem a cada um deles. Os vídeos da banda CAKE foram capturados do Youtube. Mais informações? Envia um e-mail para o clubdagula@gmail.com

Sorelle Puccini


Situada na esquina da Rua Harmonia com a Rua Madalena, no bairro da Vila Madalena, a chocolateria Sorelle Puccini é um verdadeiro recanto para os amantes de chocolate! Os produtos são artesanais, as bases de cacau são provenientes da África, América Central e Europa e processadas na Bélgica e na França. Fundada em 2005 pelas irmãs Luciane e Rosely Puccini, a chocolateria oferece produtos com sabores inusitados e exóticos. O lugar possui um aconchegante jardim de inverno que combina perfeitamente com o interior delicado da loja.




Minha visita ao local aconteceu no sábado, dia 20, e tive três ilustres acompanhantes, que também provaram da alquimia extraordinária das irmãs Puccini. Nosso pedido foi um bombom de chocolate branco com macadâmia, um doce de creme de amaretto (licor italiano) com base de chocolate, um doce de creme com frutas silvetres e outro de chocolate com café! Todos maravilhosos, alguns um pouco enjoativos, mas nada que uma coca-cola pra acompanhar não resolva... Com certeza sabíamos que havia qualidade nos doces que experimentamos, e experimentamos de todos que compramos, fizemos um rodízio entre os quatro doces e cada um preferiu um, o meu foi o de frutas silvestres, muito bom porque, ao contrário dos outros, não é enjoativo.


O lugar é muito bonito e os doces são melhores ainda! A variedade é impressionante, tem doces que é até difícil de imaginar, como os bombons de vinagre balsâmico, de limão e de caramelo com gengibre, mas tudo tinha uma aparência ótima! E também tem produtos muito interessantes, porta retrato, réplica de jaguar, potinhos de geléia, mini labirinto, sushi, sapatilha, relógio, raquete... E por aí vai! Tudo comestível, feito de chocolate! Dá até dó de comer...


Mas tudo na vida tem um preço, não é? E eu posso te garantir que os da Sorelle Puccini são bem salgados... O doce que comi foi R$ 12,50 e o quilo dos bombons é R$ 206,00! Isso mesmo, você não leu errado, o quilo é R$ 206,00! Mas vale a pena! De vez enquando merecemos esse tipo de regalia!



Esse é o menu, fofinho, né?!?!






Tem mais:
Site oficial
Guia folha


Sorvete salgado - Sorelle Puccini no Hoje em dia

Quebrando um acordo...

Por Mayara Maluceli

Entrei em uma Igreja. Mas não foi por mim, nem por meus pais, foi por um casal que adotei como meus tios, e, ontem, completavam 25 anos de casamento. Coisa mais doce, não? Vinte e cinco anos de uma vida compartilhada. Mais do que eu sozinha! Quando as pessoas completam um quarto de cem anos juntas chama-se de bodas de prata, deve ser minha alma de gorda, mas “bodas de prata” me faz lembrar muito de doces com glacê em volta.
Enfim, depois da cerimônia, fomos todos até uma churrascaria. E aqui abrirei um parêntesis
Eu e minha amiga, Ju, a de quinta, decidimos que não falaríamos de docerias grandes no nosso blog, como a Ofner, Amor aos Pedaços, Cristallo, pois elas já são conhecidas, e a maioria de nós temos que aceitar que elas são incríveis. Concordamos, também, em não falar de restaurantes que por um acaso sempre servem doces no fim das refeições, mais conhecidos por sobremesas. Concordamos, então, em falar sobre docerias pequenas, docerias de bairros e charmosas; além de comentar sobre como a vida pode ser doce, fatos, músicas, filmes, e até esmaltes podem ter a conotação mais doce possível... Hoje eu vou ter que quebrar esse acordo....
Voltando à historinha: fomos até essa churrascaria, conhecidíssima em São Paulo, a Bovinu's. A história do crescimento desse grupo chega a ser irônica. São Paulo suga tudo. Essa poderia ser mais uma crônica pro pessoal de São Outros Paulos. Então, a Bovinu's começou no Rio Grande do Sul, até que resolveu abrir uma loja em São Paulo. Não parou mais. A loja do Rio Grande do Sul continua, e só existe ela por lá. Mas em Sampa, a Bovinu's se expandiu para mais sete endereços! São Paulo suga tudo.
Como todos sabem, a churrascaria é uma feira de carnes. Homens vestidos de gaúchos correndo pra lá e pra cá com muita carne para oferecer. O preço é bem salgado, diga-se por passagem, e a comida nem um pouco nutreica, só proteína. Mas isso muita gente já sabe...
Afinal, por que eu quebrei o pacto das docerias charmosas?
Porque eu queria fazer uma reclamação!... Chegou aquela hora de pensar na sobremesa. Para pensarmos melhor, nada mais ideal do que um cardápio para sobremesa! E que cardápio. Depois de tantas maravilhas como salmão grelhado e picana nobre, a Bovinu's me vem com um cardápio em que apresenta um pedaço de melancia como opção de doce. Que mundo é esse? Agora, me fala... Qual ingênuo pediria esse pedaço de melancia, se melancia é servida “gratuitamente” no buffet?
Eu, nada boba, pedi um lindo petit gateau. Não tem como errar. Todos os pequenos bolos franceses vem da mesma caixa que eu compro no supermercado. Uma maravilha. Não tem como errar a mão.

O melhor bolo de chocolate do mundo

Por Juliana Bragança



Esse é meu primeiro post de quinta, mas ao contrário do que a denominação “de quinta” representa, irei falar sobre um doce de altíssima qualidade e de grande sucesso pelo mundo. Se você leu o post anterior, deve ter reparado que a humilde pernambucana disse “Meu bolo de chocolate é melhor do que 'o melhor bolo de chocolate do mundo'...”.

Pois então, lá fui eu experimentar o melhor bolo de chocolate do mundo! O de verdade, não o da pernambucana... E adivinhem só? A iguaria que cruzou o atlântico nem é tudo isso... Cruzou o Atlântico porque foi inventada em Portugal por Carlos Brás Lopes. Modesto esse tal de Carlos, não? Inventar um bolo de chocolate e dizer que é o melhor do mundo!! Por acaso ele comeu todos os bolos de chocolate do mundo pra saber se o dele era o melhor de todos?? Acho que não né...

A loja está no Brasil desde 2007, fruto da associação de Celina Dias com Lopes. A receita é um segredo, apenas sabe-se que não leva fermento nem farinha, o doce é composto por um mousse de chocolate de primeira linha e merengue.

A minha experiência com o melhor bolo de chocolate do mundo ocorreu no dia 17 de março de 2010 ao meio dia. A ansiedade era grande, afinal estava prestes a comer uma fatia do MELHOR BOLO DE CHOCOLATE DO MUNDO! No entanto, a cara de mau humor da vendedora fez minha alegria diminuir pela metade. Pedi um capuccino pequeno para acompanhar a fatia de bolo e logo depois que a moça registrou perguntei se poderia mudar o pedido para um Chá Tee Gschwender, especialmente criado para harmonizar com o bolo! Fiquei até com medo da cara de pão com frango que a atendente fez quando perguntei isso, então na minha simples simpatia falei que poderia deixar o capuccino mesmo... Bom, o bolo é MUITO bom! Várias camadas intercaladas de merengue de chocolate (que chamo de suspiro) e recheio de chocolate, sendo que a camada de suspiro de chocolate em baixo da cobertura era mais durinha que as outras. Resumindo: o bolo é ótimo, excelente, mas a modéstia passou longe quando resolveram denominá-lo de “o melhor bolo de chocolate do mundo”.

E tem mais um detalhe: o preço! A fatia custa exatos R$ 8,90! Tudo bem que estamos falando de uma iguaria européia, mas vamos cair na real, né! Além disso, tem a versão zero açúcar, que custa R$11,00!

Pra falar a verdade, o bolo é maravilhoso, o único problema foi a atendente que me tratou mal, ai, sabe como é né... Comi o bolo com o mau humor que ela me deixou... Mas a moça que me serviu o capuccino foi um amor, ela tinha colocado demais, e derramado no pires, então se ofereceu para fazer outro ou colocar numa xícara maior, mas falei que não tinha problema. Ela sim foi uma boa atendente!

O bolo é mesmo uma iguaria, é lógico que eu não faria igual ou melhor... Mas teria sido bem mais proveitoso se estivesse sentada e com uma boa companhia (fui no quiosque do shopping Pátio Higienópolis e lá não tem cadeira nem banquinho).


Se quiser saber mais sobre o assunto:

Site oficial:
http://www.omelhorbolodechocolatedomundo.com/

Guia comentando sobre o bolo: http://www.guiadasemana.com.br/Sao_Paulo/Gastronomia/Estabelecimento/O_Melhor_Bolo_de_Chocolate_do_Mundo___Jardins.aspx?id=66588

Carlos Brás Lopes em vídeo fazendo a receita do SEGUNDO melhor bolo de chocolate do mundo (em português de Portugal):
http://www.youtube.com/watch?v=ps08In4tsDk
(reparem nos comentários, há uma discussão muito engraçada entre portugueses e brasileiros!).


video

No fundo do quintal

Por Mayara Maluceli

Hoje é meu primeiro post de segunda, mas eu vou falar para vocês sobre um lugar top de categoria. Há uns três meses, eu fazia parte de um grupo que tinha de apresentar um vídeo sobre Ecologia. Em uma das reuniões, decidimos apresentar uma loja com conceitos sustentáveis. Encontramos na Vila Madalena, na rua Harmonia, um lugar que encaixava no perfil que procurávamos: não era completamente uma loja de produtos ecologicamente corretos, nem era um restaurante orgânico, mas os dois juntos. Na verdade, a Reciclamundo (entra aqui pra saber mais da loja) levanta um conceito que muitos de nós desconhecemos: o consumo sustentável. Lá, vende-se de tudo: desde roupa à chave de fenda. Cada objeto carrega um valor agregado de artesanato, e, muitas vezes por ser um presente, um valor sentimental. Dessa maneira, as donas acreditam que os clientes não comprarão esses objetos por impulso, mas com alguma intenção por trás.


Mas... o que essa loja tem a ver com o nosso Blog que só deveria falar de doces? Como eu falei, nesse lugar, existe, lá no fundo, um restaurante/café. Ontem, eu voltei para conversar novamente com a dona da loja, mas, dessa vez, a respeito do café. Da vez passada, eu tinha passado horas papeando com a ex-copeira do café, uma pernambucana, que agora não recordo o nome. O motivo pelo qual voltei para fazer novamente uma matéria sobre a loja, foi por causa de uma afirmação da nordestina, exatamente assim “Meu bolo de chocolate é melhor do que 'o melhor bolo de chocolate do mundo'. Venha outro dia pra experimentar”. Voltei, mas ela não estava mais lá.

Mesmo sem provar o bolo-de-chocolate-melhor-que-o-melhor-bolo-de-chocolate-do-mundo, eu saí de lá muito contente com a conversa que eu tive com Ana, a gerente da loja. Mesmo vendendo salgados, o carro-chefe do restaurante é um bolo de banana com castanha-do-pará, ou, castanha-do-Brasil. Outra curiosidade, foi o depoimento de Ana referente aos publicitários que frequentam o café para reuniões de trabalho “eles não vem aqui para almoçar, eles querem a sobremesa”. Realmente, com um espaço agradável como aquele, e com uma proposta de aconchego como essa, só doce mesmo para reconfortar!
Olha só a nossa conversa:
video

Club da Gula

Pecado é não comer